Notícias

23/03/2018

Franquias estão em alta em 2018 – Confira dicas para ter sucesso no negócio

Investir em franquias é uma forma segura de apostar no negócio, se compararmos com a criação de um empreendimento do zero. Por conta da instabilidade do cenário econômico brasileiro essa tem sido uma alternativa interessante de investimento nos últimos anos.

Segundo a Associação Brasileira de Franchising (ABF) nos anos de 2016 e 2017 houve o aumento de 2% na abertura desse tipo de negócio e 145 mil novas lojas franqueadas. Só em 2017 as vendas no setor subiram 8%.

O consultor empresarial, Adriano Nodari, ressalta que embora seja um investimento repleto de vantagens e que oferece segurança ao empreendedor é preciso ter uma boa quantia no caixa para investir e manter a franquia.

“Além do valor alto com taxa de aderência o franqueado vai arcar com valor mensal dos royalities, o que inclui taxa de manutenção, treinamento e suporte operacional”, explica.

Vamos conferir as principais dúvidas sobre a abertura de franquias:

Qual o perfil o Franqueado deve ter?

Antes de escolher a franquia como investimento – por conta das vantagens – é importante observar se possui o perfil, o que inclui alta capacidade de gestão dos negócios e estar disposto a seguir as regras estabelecidas pela franqueada.

“São normas administrativas, de divulgação e em outros departamentos que devem ser seguidas por todas as franquias. Empresários mais dinâmicos, arrojados e que prezam pela liberdade em gerir o negócio podem sentir-se incomodados”, alerta.

Capacidade de gestão dos negócios

Embora existam as regras, isso não significa que o empresário não terá espaço para inovações, pelo contrário. A ABF realizou uma pesquisa com 180 redes e 91% das participantes apostaram em estratégias para inovar o negócio, como exemplo a otimização dos serviços via aplicativo oferecendo comodidade ao cliente.

Disciplina é outra característica essencial para o investimento em franquia, pois necessita seguir as orientações da franqueadora e aplicar além das técnicas estabelecidas, ter criatividade para inovar.

Segundo Nodari Investir em franquias não é tão fácil como algumas pessoas idealizam, além do valor inicial a jornada de trabalho é longa e requer responsabilidade, pois já existe um nome e marca a serem zelados.

“A má administração ou atendimento pode arruinar tanto a própria franquia, como outras unidades”, pontua o consultor empresarial.

Pesquise sobre franquias e encontre um negócio que tenha afinidade

O primeiro passo antes de investir em franquias é fazer uma boa pesquisa de mercado, além do conhecimento sobre todo o sistema comercial e administrativo.

Escolher um setor que tenha afinidade é essencial para o sucesso da franquia. Após essa etapa converse com proprietários de outras franquias e saiba a opinião e o relacionamento que possuem com a franqueada que pretende negociar.

Desafios ao investir em franquias

1# Capital suficiente

O capital é um dos principais desafios ao investir em negócios desse formato, de acordo com o consultor. É preciso ter determinado valor para o investimento inicial – o que varia conforme o tipo de negócio e a franqueada. Esses valores garantem o direito de adesão à marca – pago incialmente – e também são cobradas taxas mensais dos serviços prestados.

2# Experiência em gestão de negócios

O administrador necessita possuir conhecimento e experiência na gestão do fluxo de caixa, controle de receitas e custos. “Mesmo existindo o auxílio da franqueada que oferece treinamentos e suportes operacionais, a expansão do negócio fica na responsabilidade do empresário”, acrescenta Nodari.

3# Se adequar ao padrão

Serviços como treinamentos e suportes são pagos mensalmente, assim como a taxa de manutenção. Outra característica das franquias que são desafiantes é a interligação com outras unidades.

O padrão deve prevalecer em qualidade de atendimento, gestão administrativa e de pessoas. Franquias que desrespeitam a qualidade e de repente possui um mau atendimento impacta todas as unidades, inclusive a sua.

O que fazer antes de investir em franquias?

  1. Faça cálculos sobre o investimento e se necessário contrate a consultoria empresarial para auxiliar na gestão do negócio;
  1. Realize uma boa pesquisa de campo, iniciando pelo lugar – rua ou avenida – onde o negócio será iniciado. Veja o movimento e se o público é o ideal;
  1. Converse com outras franquias do mesmo seguimento e que fecharam acordo com a franqueada. Saiba a opinião desses empresários em relação aos serviços;
  1. Contrate um advogado de sua confiança para conferir e esclarecer as informações contratuais. De acordo com o consultor de negócios existem multas contratuais e prazos estabelecidos pela franqueada que precisam ser revisados com atenção para evitar futuros problemas.

 

Fonte: E-commerce

Compartilhe:


VOLTAR

Clique no sino ao lado e receba pushs com notícias jurídicas em seu Desktop e Mobile Android.